TELEFONE (11) 3666-9893 - Atendimento: 9:00 às 17:00

Parceiros

China quer união global para definir regras de segurança de dadosPostado em: 10 de setembro de 2020

Como resposta aos esforços dos Estados Unidos para isolar as empresas de tecnologia chinesas, a China está lançando uma iniciativa para definir padrões globais de segurança de dados na rede. A proposta apela a todos os países que lidem com a segurança de dados de uma “maneira abrangente, objetiva e baseada em evidências”, afirma o Wall Street Journal, que teve acesso ao documento.

O ministro das Relações Exteriores da China, Wang Yi, deve anunciar a iniciativa ainda esta semana, de acordo com o WSJ. A proposta chinesa ainda afirma que “o que é urgente agora é formular regras e normas globais que reflitam as aspirações e interesses da maioria dos países”.

“A disseminação de aplicativos controlados pelo governo chinês ameaça à segurança nacional, a política externa e a economia dos Estados Unidos”, escreveu a Casa Branca em uma ordem executiva que proíbe pessoas e empresas dos EUA de fazer negócios com algumas empresas de tecnologia da China como a HuaweiByteDance (dona do TikTok) e a Tencent (controladoras do WeChat).

Fonte: Olhar Digital