TELEFONE (11) 3666-9893 - Atendimento: 9:00 às 17:00

Parceiros

Parceria entre Governo e Itaipu viabiliza R$ 27 milhões para segurançaPostado em: 7 de outubro de 2020

Serão 21 obras na região Oeste, entre construções e ampliações. Haverá melhorias em 19 delegacias, além da construção da 3ª Companhia do 14º Batalhão da PM, em Foz, e da sede da 2ª Companhia do Batalhão de Fronteira (BPFron), em Guaíra.

A área da segurança receberá um investimento de aproximadamente R$ 27 milhões da Itaipu Binacional. Ao todo, por meio da parceria com o Governo do Estado, serão 21 obras, entre construções e ampliações que vão beneficiar e reforçar as estruturas das polícias Militar e Civil da região Oeste do Paraná.

O pacote de investimentos corresponde a 19 obras em delegacias de todo o Oeste o Estado, além da construção da 3ª Companhia do 14º Batalhão da Polícia Militar, em Foz do Iguaçu, e da sede da 2ª Companhia do Batalhão de Polícia de Fronteira (BPFron), em Guaíra.

Todas as tratativas foram feitas pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior e o secretário da Segurança Pública, Romulo Marinho Soares, com o diretor-geral brasileiro da Itaipu Binacional, general Joaquim Silva e Luna, e o diretor de Coordenação da empresa, general Luiz Felipe Kraemmer Carbonell.

“A nossa parceria com a Itaipu Binacional só tende a crescer e isso gera avanços para a região e para toda a população do Estado. Com os recursos disponibilizados poderemos atender estas demandas antigas que estavam em planejamento, mas não foram executadas. Isso permitirá melhorar o atendimento fornecido pelas nossas forças de segurança para toda população”, afirmou o secretário Marinho.

“Pretendemos, ainda na região de fronteira, preservar a integração entre as principais forças de segurança, o que vai permitir maior agilidade e celeridade aos trâmites, além da troca rápida de informações e, o mais importante, a atuação conjunta entre todos os órgãos que compõem a pasta”, completou o secretário da Segurança Pública.

 

GUAÍRA – Do pacote de investimentos, o maior é a construção da sede da 2ª Companhia do Batalhão de Polícia de Fronteira (BPFron), em Guaíra, avaliada em R$ 22 milhões. A nova unidade vai reforçar todas as ações desenvolvidas na área de fronteira do Estado. O restante será investido em reformas para as delegacias da região Oeste.

O secretário Marinho informou que em viagem para Guaíra, em março deste ano, foram iniciadas tratativas para a instalação da Companhia Independente na cidade. Na ocasião, a Itaipu Bibnacional se colocou à disposição e pediu acesso aos projetos da obra para analisar a possibilidade de disponibilização de recursos.

“Estamos em pleno avançar de uma parceria entre Sesp, Polícia Militar e Itaipu. A sede da companhia do Bpfron em Guaíra foi projetada para receber operações interagências, como Exército Brasileiro, Marinha, Aeronáutica, Polícia Civil, Polícia Federal e outros órgãos. Vamos operacionalizar nossas ações na fronteira, tendo em vista que as rotas de tráfico de armas ilegais passam pela tríplice fronteira, adentram o território nacional e atingem, através dos portos brasileiros, a Europa e a América do Norte”, explicou o comandante-geral da Polícia Militar do Paraná, coronel Péricles de Matos. “Quando estamos combatendo o crime aqui, estamos causando efeito em toda uma rede global de suporte à criminalidade”.

“Foz do Iguaçu é uma região estratégica para o Estado. É na fronteira onde conseguimos coibir parte do crime e impedir que ilícitos adentrem no Paraná. Com as forças integradas e unidas já nesta região de grande visibilidade, poderemos coibir o crime com maior eficiência”, ressaltou o secretário.

 

DELEGACIAS – Das 21 obras oriundas do acordo com a Itaipu Binacional estão ainda as reformas de 19 delegacias da região Oeste. Dentre elas, obras que variam de R$ 80,6 mil até R$ 202,8 mil. Ao todo a Polícia Civil será beneficiada com R$ 2,3 milhões.

São obras de melhorias para a infraestrutura das unidades. As forças policiais fizeram um levantamento das necessidades de cada local e as obras serão executadas de acordo com o que for preciso na unidade.

“As reformas destas delegacias vão possibilitar que nosso policial da ponta trabalhe com uma melhor estrutura. O bem-estar do policial, como de qualquer profissional, influi diretamente na qualidade do serviço prestado. Além disso, a população será atendida em ambiente muito mais agradável e adequado, como todo paranaense merece”, declarou o delegado-geral da Polícia Civil, Silvio Jacob Rockembach, que também agradeceu o apoio da Itapu Binacional, do Governo do Estado e da Secretaria da Segurança Pública.

Serão contempladas as delegacias de Santa Helena, Santa Terezinha do Itaipu, Ubiratã, Terra Roxa, Vera Cruz do Oeste, Missal, Nova Aurora, Matelândia, Palotina, Guaraniaçu, Guaíra, Formosa do Oeste, Corbélia, Céu Azul, Catanduvas, Altônia, Assis Chateaubriand, Toledo e Cantagalo.

Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governoparana e www.pr.gov.br

 

Fonte: Agência de notícias do Paraná