TELEFONE (11) 3666-9893 - Atendimento: 9:00 às 17:00

Parceiros

Twitter contrata hacker famoso como novo chefe de segurançaPostado em: 24 de novembro de 2020

‘Mudge’, um hacker que ficou popular nos anos 1990, responderá diretamente a Jack Dorsey, CEO do Twitter

 

Nesta segunda-feira (16), o Twitter anunciou a nomeação de um dos hackers mais famosos do mundo como o novo chefe de segurança da rede social. Peiter Zatko, também conhecido por ‘Mudge’, deverá recomendar mudanças estruturais e práticas. Ele também será responsável por lidar com erros de engenharia e desinformação no Twitter.

Zatko responderá diretamente ao CEO da empresa, Jack Dorsey. Ele deve assumir as principais funções de segurança da rede social em um prazo de 45 a 60 dias. À Reuters, ele disse que será responsável por “segurança da informação, integridade do site, segurança física, integridade da plataforma – que começa a tocar em assuntos como abuso e manipulação – e engenharia”.

Na década de 1990, Zatko participou do grupo de hackers “Cult of the Dead Cow”, conhecido por lançar ferramentas de hacking para o Windows – e que forçou a Microsoft a melhorar a segurança do sistema operacional. Ele também trabalhou em empresas como a Stripe, em projetos especiais no Google e até no Pentágono.

Melhorando conversas públicas no Twitter

O Twitter tem enfrentado uma série de questões envolvendo segurança e privacidade de seus usuários. Em julho deste ano, uma ferramenta interna da rede social acabou sendo utilizada por hackers, que comprometeram algumas contas de nomes como Joe Biden, Bill Gates e Elon Musk, por exemplo.

O caso também reacendeu o debate sobre desinformação na rede, já que contas com milhões de seguidores poderiam ser utilizadas para espalhar notícias falsas. Na época, mensagens sobre esquemas de bitcoin foram publicadas no ataque.

Dan Kaufman, que foi supervisor de Zatko na Darpa (Defense Advanced Research Projects Agency), disse não ter certeza “se alguém pode consertar a segurança do Twitter, mas ele estaria no topo da minha lista”.

Zatko, por sua vez, se disse empenhado em melhorar as conversas públicas no Twitter. Recentemente, foram implementadas medidas para fazer com que usuários compartilhem informações de notícias e matérias que tenham, de fato, lido anteriormente.

Fonte: Reuters